terça-feira, 1 de maio de 2018

TÉNÉRÉ - FUNCIONAMENTO DA INJEÇÃO E TROCA DAS PASTILHAS

Em outubro do ano passado havia postado que a Ténéré estava apresentando problemas na injeção. De lá pra cá foram duas intervenções no sistema sem sucesso. A moto tinha dificuldade na partida, não mantinha a baixa rotação constante e transitar dentro da cidade estava impossível devido à essa variação. Sem contar o fato que em dias de chuva era parar no sinal que a moto morria.

Acabei ficando muito insatisfeito pelo serviço prestado pelo mecânico anterior e acabei procurando outra oficina através do meu amigo Bolinha. O  Júlio é o mecânico responsável pela preparação da moto de trilha do Bolota e foi só eu explicar o problema que ele me passou tudo que tinha de ser feito. Limpeza de todo o sistema de injeção, troca dos reparos, ajuste das válvulas, limpeza do filtro de ar (nesse aqui ele me ganhou) e teste de funcionamento.

Deixei a moto lá na segunda a noite e na terça já estava pronto. Além da manutenção do sistema foi necessário trocar o cachimbo de vela (que estava dando juga de corrente) e o Júlio disse para tirar o cabo ibooster imediatamente, pois ele não trás vantagem alguma.


Além disso foram trocadas as pastilhas de freio dianteiras/traseiras e lâmpada de freio.


Abaixo os valores das peças e serviço.

-Cachimbo de vela NGK: R$70,00
-Pastiha freio diant/tras Corbeg: R$90,00
-Lâmpada freio: R$4,00
-Ajuste injeção: R$50,00

Não foi nenhum valor absurdo e a moto voltou ao normal. Depois de um bom tempo deu pra sentir o motor 250cc da Yamaha novamente. Obrigado à equipe da Moto Garra, e como disse ao Jean vocês ganharam um novo cliente.

Um comentário:

  1. Legal quando encontramos um mecânico decente pra mexer nas motocas, eu por exemplo uso 02, um deles fica do lado da moto-peças, utilizo os serviços dele para coisas simples, trocas de pastilhas, óleo, etc, pois ele é mais "barateiro". Já para diagnósticos e regulagens mais delicadas, uso um outro que entende tudo desse motor yami 250 (tenho uma Fazer), a única desvantagem é ser mais caro pela qualidade, mas vale a pena! Se bem cuidado, esse motorzinho é quase eterno, é valente demais, na verdade se toda moto fosse resistente assim, os mecânicos morreriam de fome hahaha.

    ResponderExcluir