segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

PARATY-RJ / DIA 2 - TRINDADE

No segundo dia, decidimos conhecer o vilarejo de Trindade que fica há alguns minutos de Paraty. As prais realmente são um espetáculo a parte. Não me lembro o nome de todas, mas a praia do Cachadaço é parada obrigatória e serve de ponto de partida para a piscina natural de mesmo nome.



Para chegar até a piscina existem duas opções. A primeira, através de uma trilha que é bem legal e não exige nenhum preparo físico de atleta. São aproximadamente três quilômetros se não me engano e a outra é através de barco.


A piscina é formada por um conjunto de pedras que fazem com que as ondas quebrem e a água que ali fica "represada" quase não sofra ondulações. O local é um berçário e muitas pessoas praticam o mergulho livre (snorkeling). A Paty até que tentou se arriscar e viu alguns peixinhos.



Na volta, a co-piloto estava cansada e desistiu da trilha. Ai tivemos que pegar um barquinho, que foi bem legal também.


Para fechar o dia, fomos conhecer o restaurante Van Gogh, que tem como especialidade hamburgueres artesanais. Acabei não tirando nenhuma foto do restaurante e muito menos do hamburguer, esse último porque não deu tempo pra pensar em foto, hehehe. Mas vou colar uma foto que roubei do link que coloquei.


Uma coisa, eu posso dizer, vem igualzinho a foto e é muito gostoso. Acho que nem preciso falar muito, a foto já é o suficiente para convencê-los.

Por hoje é só. Até o próximo post!

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

PARATY-RJ / DIA 1 - PRAIA DO PONTAL

Viagens no fim de ano nem sempre são frutos de planejamento. Como na maioria das vezes são relativamente curtas, tando em distância quanto em período (tempo) acabo decidindo o que fazer pouco tempo antes, até porque o trabalho, na maioria das vezes, não permite saber se será possível ou não fazer o passeio.

Essa não foi muito diferente. Decidi na última hora, aprontei a moto e peguei a estrada junto com minha co-piloto (Paty).


O caminho mais curto era de aproximadamente 500km. Saí por volta de 4:30 da manhã de segunda-feira.


Só que chegando perto de Três Rios, a co-piloto indicou que o caminho correto era por Petrópolis. E como meu senso de direção já tinha me traído algumas vezes, acabei seguindo a orientação dela. Acabamos dando uma volta danada e gastando algumas horas a mais. Não foi de todo ruim, porque a serra é muito legal mas foi bem cansativo. Pelo menos, ela não vai buzinar no meu ouvido quando eu errar o caminho da próxima vez, hehehe.


Chegamos em Paraty por volta de 15:00 e fui conferir a praia e o centro histórico. Detalhe, fiquei hospedado em um hostel de frente para a praia por um precinho bem bacana, ficou em R$39,00 a diária por pessoa. Mas hostel é hostel, não vai achando que é mil maravilhas.



Como estava muito cansado, não saí durante a noite. Comi na lanchonete do hostel e caí na cama. No próximo poste tem mais detalhes sobre a cidade e suas atrações.

domingo, 29 de janeiro de 2017

NX650 DOMINATOR SCRAMBLER BY OCTOPUS SOUL BIKES (OSB)

Mais um projeto bacana por aqui. Uma scrambler com base em na NX650 Dominator. No Brasil esse modelo veio somente por importação e o mais próximo dela que tivemos aqui foi a conhecida NX350 Sahara.






A customização ficou simples e bem dentro daquilo que pretendo ter/fazer um dia. Quem sabe a Sahara não seja um bom modelo de partida para esse projeto.